segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Paula Piauí

Paula Piauí, artista parnaibana, pinta desde criança quando uma tia lhe oferecia pincéis e tintas, assim a menina iniciou suas primeiras pinceladas, daí em diante passou a ser autodidata, realiza pintura em tela aplicando técnicas mistas , papel reciclado ( Machê e papel artesanal ) sobre óleo ,abstrato geométrico em relação a pintura clássica trabalha algumas composições em paisagens da realidade local . Em 1995, a pintora viaja à cidade de Salvador – BA, onde vai conhecer vários artistas plásticos com quem teve a oportunidade de trocar idéias e aperfeiçoar suas aptidões na pintura, lá aprendeu fazer uso do papel machê e papel reciclado em suas telas, como também produzir objetos de decoração em papel , aprimorando cada vez mais sua técnica.

De volta à Parnaíba em 2004, a artista estuda Letras Português na Universidade Estadual do Piauí - UESPI, ganhou um parceiro muito importante em sua vida, seu pai F. Marques , que sendo portador de câncer de próstata começa a pintar através do incentivo da artista, este mesmo faleceu em 19 de junho de 2008. Porém Piauí continua a exercitar a arte da pintura em sua oficina e no ateliê do artista plástico Francisco Pedro no Porto das Barcas. Seus quadros têm como temas principais as paisagens, natureza morta, abstrato misto em diversificadas composições com papel e outros elementos. Para divulgar seu trabalho, ela realiza vernissages em espaços públicos da cidade, onde é notória a apreciação da população parnaibana.

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Cláudio Tozzi


Pintor, desenhista, gravador e arquiteto, nasceu em São Paulo, em 1944. Nome dos mais conhecidos desde jovem, sua obra participa da paisagem paulistana e dos livros de arte brasileira há uns 30 anos, sendo reconhecida com facilidade pelo seu multi-cromatismo e pela sua técnica pontilhista. Seus temas são : a pop art, pássaros e paisagens brasileiras, paisagens urbanas, escadas, retalhos geométricos, escadas, recortes, etc., com as fases mais antigas sendo mais procuradas pelos colecionadores.
Cláudio Tozzi é um artista que, na sua maturidade, não abdica de sua vitalidade na busca de novos caminhos; mas também em seus trabalhos os elementos que sempre os caracterizam: por um lado, uma grande qualidade gráfica e bem cuidada plasticidade; por outro, um projeto prévio e deliberado, que resulta em uma obra construída e racional, e não da mera emoção ou da intuição."
http://www.moderna.com.br/catalogo/encartes/85-16-04152-2.pdf
Desde seus primeiros trabalhos e experiências visuais com a “nova figuração” na década de 60, Claudio Tozzi teve sua obra reconhecida tanto no meio cultural, quanto junto ao grande público. Trabalhou com imagens e ocorrências do mundo urbano e utilizou em sua pintura ícones imediatamente reconhecíveis ( Guevara, multidões, astronautas, bandido da luz vermelha, etc. ).
http://www.pinturabrasileira.com.br/artistas_bio.asp?cod=41&in=9